Postagens

Mostrando postagens de Março, 2013
Editorial Amapá precisa lavar sua honra

Os milhões de litros de água que a Companhia de Água e Esgoto do Amapá perde por desvio “gatos” e pelo desmantelamento da rede de água já estrangulada em muitos pontos da cidade, não seriam suficientes para lavar a honra do Estado do Amapá, enlameada pelos sucessivos escândalos de corrupção que se tem notícia através da mídia. Parece que este desvio de comportamento está impregnado nas entranhas do Poder Público brasileiro. No Amapá ao que parece é que a anomalia econômica que se vivencia é uma das causas. O Estado possui uma base econômica fundada em verbas públicas, sobre tudo oriunda das transferências institucionais, como o Fundo de Participação dos Estados (FPE) e o Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Os setores, primário e secundário têm participação pífia na composição do Produto Interno Bruto amapaense. No Amapá a cada dia uma maracutaia vem à tona. Algumas que aconteceram há alguns anos, mas que a Polícia Federal, Polícia Civil, …
Nas Garras do Felino


Onde vamos ficar?????
A conceituada Fundação Getúlio Vargas (FGV), a ONG Movimento Mais Feliz e o aplicativo de celular MyFunCity vão criar o primeiro indicador para medir a felicidade e o bem estar do brasileiro. As cidades serão avaliadas a partir de indicadores como trânsito, segurança, meio ambiente, saúde e educação. Os resultados da pesquisa devem ser divulgados até dezembro. Adivinhem a classificação do nosso Estado. Fona, meu. Alguém duvida?
Na crise
Camilo, Clécio, Randolfe e Capi anunciaram um pacto por Macapá. A turma está dizendo que é para se fortalecerem contra o dossiê do Fran. Sinceramente não da pra entender. Se não se unem criticam, se unem, criticam. É pelo bem de Macapá? Casem de papel passado, mas façam alguma coisa pela nossa cidade que está precisando e muito.
Bate boca
Nem o gênero e muito menos a raça impediu a divergência entre a Vice Dora Nascimento e a diretora do Procon, Nilza Amaral. O bate boca foi feio e a proposta de Unidade dentro do PT…
Imagem
Hospital Emergência Recebe novo tomógrafo com capacidade de 50 exames/dias
Reinaldo Coelho Da Reportagem
O Governo do Amapá, através da Secretaria Estadual de Saúde do Amapá (SESA) entregou na última terça-feira (26) um novo tomógrafo que equipará o Hospital de Emergência de Macapá. Com investimentos de R$ 1,2 milhão, o novo equipamento é de última geração e permitirá dobrar o número de tomografias feitas neste hospital.  O serviço, que estava desativado desde dezembro do ano passado, será retomado por decisão política do governador Camilo Capiberibe, que autorizou a compra. O novo tomógrafo do HE tem capacidade para realizar entre 40 e 50 exames de média e de alta complexidade por dia, contabilizando cerca de 750 a 800 exames por mês. O equipamento atenderá com prioridade usuários do SUS da urgência e emergência, além de internados. Serão diversos os exames realizados, entre eles crânio simples e com contraste, coluna (cervical, torácica e lombar), face, tridimensional, articulações, mem…
Imagem
ÁGUA  Desperdício coloca Macapá em último lugar no ranking nacional
José Marques Jardim Especial TA
O desperdício de água em Macapá chega a um percentual inacreditável, considerando a média de outras capitais do País. São jogados fora, aqui, nada menos que 74% do que vai para as torneiras, enquanto no resto do Brasil, esta média não chega a 37%. A informação divulgada durante as programações da Semana da Água, veio do Instituto Trata Brasil, sediado em São Paulo e especializado em estudos sobre qualidade de água, saneamento e problemas trazidos pela falta destes dois benefícios necessários à saúde da população.
Ruy Smith, ex-deputado estadual pelo PSB, que assumiu a Companhia de Água e Esgoto do Amapá em 2011 atribui o fato às ligações clandestinas espalhadas pelos 60 bairros da cidade. Os “gatos”, desvios feitos na rede de abastecimento, existem em duas situações; para driblar o registro de consumo dos medidores ou garantir o abastecimento de forma clandestina, quando a tubulação é ligad…
Imagem
PEC das Domésticas Empregadas garantem direitos trabalhistas
Thais Pucci Da Reportagem
Foi aprovada em segundo turno pelo Senado, nesta terça-feira (26), a Proposta de Emenda à Constituição 666/2012, conhecida como PEC das Domésticas, ampliando assim os direitos destas trabalhadoras. A esperança dos patrões é que os novos direitos sejam bons para os dois lados. Apesar de, muitas vezes, a categoria basear sua relação de trabalho na amizade com os empregadores.  Com a aprovação da PEC das Domésticas, patrões e empregadas terão que mudar a rotina na casa e de trabalho. Além dos direitos previamente garantidos, deverão pagar e receber hora extra, caso a jornada de trabalho seja maior que 8 horas diárias e 44 horas semanais; terá direito a adicional noturno, se o trabalho for realizado entre as 22h e 5h. A obrigatoriedade do deposito do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), está entre as principais mudanças na legislação. Com a aprovação da PEC, as domesticas terão seus direitos igu…
Imagem
SAÚDE Empresa pressiona GEA através de processo
Reinaldo Coelho
Da Reportagem

A saúde é um dos setores mais importantes da administração pública. Lida com um número incontável de pessoas, movimenta vultosas somas de recursos financeiros e materiais que ultrapassam a casa dos sete dígitos e, acima de tudo, cuida do bem mais precioso. Vidas. Porém, o estado tem limites e por isso muitos serviços são terceirizados afim de que sejam desenvolvidos com qualidade e segurança. Um deles é a distribuição de gases medicinais às unidades hospitalares dos municípios e do Estado do Amapá.A White Martins é a maior empresa de gases industrial e medicinal da América do Sul, e mantém o monopólio desse serviço como uma das prestadoras de serviço do Governo do Estado. Na justiça  A empresa White Martins, que teve o contrato emergencial de 180 dias expirado em fevereiro de 2012, entrou como uma ação na justiça contra a Secretaria Estadual de Saúde (SESA), onde alega que passados um ano e meio da assinatura d…
Imagem
Operação Comendadores Pagamentos indevidos levam a prisão procuradores do estado Reinaldo Coelho Da Reportagem

Mais uma vez o delegado titular da delegacia Especializada no Combate aos Crimes Contra a Fazenda Pública (Defaz), Leandro Leite, solicitou a justiça a prisão de servidores públicos envolvidos e esquemas escusos contra o sistema financeiro estadual. Dessa vez foram dois procuradores do estado Orislan de Souza Lima e André de Carvalho Lobato e de um advogado trabalhista, Jean Dias que são acusados de autorizarem pagamentos indevidos na Justiça do Trabalho para servidores do Caixa Escolar Estadual, a ação foi denominada “Operação Comendadores”.

O delegado Geral da Policia Civil Tito Guimarães e o delegado Valcelis Almeida que presidiu a oitiva com os acusados em substituição ao delegado Leandro Monteiro Leite que está viajando para fora do estado. De acordo com o delegado geral a acusação é de desvio de cerca de R$ 40 milhões do Estado, em um esquema que envolvia acordos judiciais e…
Imagem
SANTARÉM: A SEGUNDA MAIOR ECONOMIA DO PARÁ Jamille Nascimento Da redação Santarém é um município localizado no oeste do estado do Pará, o segundo mais importante e o principal centro financeiro e econômico do oeste do estado. Localizada a cerca de 800 km das metrópoles do amazonas (Manaus e Belém) Santarém ficou conhecido como “Pérola do tapajós”. Em 2012 o município foi considerado pelo IBGE Instituto Brasileiro de Geografia e estatística o terceiro município mais populoso do estado do Pará, com uma população de mais de 299 419 habitantes perdendo apenas para as duas cidades conurbadas de Belém e Ananindeua. Por causa das águas cristalinas do rio Tapajós que conta com mais de 100 km de praia que mais se parecem com o mar, como é o caso de Ater do chão, mais conhecido como “Caribe Brasileiro”  É escolhida pelo jornal inglês The Guardian como uma das praias mais bonitas do Brasil e a praia de água doce mais bonita do mundo, lá é o palco das maiores manifestação folclóricas da região o Sair…
Imagem
Português “miguxo”
Meus leitores provavelmente conhecem a história evolutiva do "você". Se não, um breve resumo: tudo começou com o pronome de tratamento "vossa mercê", que, com o tempo e o poder da economia linguística, reduziu-se a "vosmecê", e este para o nosso conhecido "você", cuja trajetória já aponta para outro uso, bem mais informal e equivalente à pessoalidade do “tu”, o "cê". A menos que nosso criativo povo encontre uma nova forma de fazer palavras sem sílaba, acho que as mudanças acabam aí. Mas... Espere! Parece que isso já até conseguimos (pelo menos na escrita), afinal, nosso "vc" está aí para provar que o brasileiro já não precisa de vogais. Uso a história do "você" para introduzir o assunto da matéria dessa semana. Estava procurando uma pauta interessante, há alguns dias, quando alguém me sugeriu: "Por que não falas sobre o 'miguxês'?". Essa mesma fonte me disse que lera recentemente s…